16 de março de 2011

Futuro do Presente

Feche os olhos. Pense que a quilômetros daqui há uma ilha que parece estar a ponto de explodir e sumir do globo. 

Pense em todas as pessoas que  mesmo com desespero que a situação desponta aparentam estar imune a tudo aquilo. Comportam-se com a civilidade perfeita e tentam abstrai todas as catástrofes iminentes. Existem como podem, vivem um dia de cada vez.

Pense nas futuras gerações e no que as antigas gerações pensavam sobre nós. Abra os olhos um instante: O que estamos fazendo com o Mundo?

 
Jovem isolada em instalação improvisada em Nihonmatsu por risco de contaminação radioativa olha para seu cão por meio do vidro.
Mulher olha para seu bebê, que nasceu em 2 de março, em um abrigo em Iwaki. Uma esperança?

Dizem que uma imagem vale mais que Mil Palavras. 

- Fotos: g1.globo.com